HORÁRIO DAS MISSAS

Igreja Matriz
Quarta-feira, às 19h30min
Domingo, às 10h
Sábado, às 19h

Comunidade
São Pedro
Domingo, às 18h30min
Quinta-feira, às 20h

Menino Jesus
Terça-feira: 19h30min
Domingo, às 9h

Missão: Um abrir de olhos

Quando falamos do Sul do Pará, algumas pessoas mal informadas por uma mídia perversa, pode até dizer: “Lá, é ruim. Não tem nada de bom...”
“De Nazaré pode sair coisa boa?” João 1, 46
Mas depois de um ano de missão aqui, eu quero partilhar com vocês o que descobri.
Como Jesus cresceu em Nazaré, se nós deixamos Ele crescer em nossas comunidades, em nossas famílias, casas... Se nós deixamos Ele viver em nossas realidades, em nosso coração, pode sair alguma coisa revelando a Grandeza do Pai. Com certeza!
Na escola diocesana de Redenção, encontrei alunos que, por falta de cuidado e de amor em casa, estão com dificuldades para acompanhar as aulas. Para sobreviver nessa realidade e aguentar os problemas, eles constroem para si cascas enormes. Mas aí, encontrei professores comprometidos que fazem o possível para acompanha-los. Faz um ano que estou trabalhando com eles e já percebi as mudanças. Deixando aos poucos essas cascas de defesa, vemos a beleza do coração deles. Assim, eles têm a disponibilidade mental para aprender na sala de aula... Isso me dá Esperança.
No Projeto Sonho de Mãe, descobri a gravidez precoce, consequência de uma sexualidade desordenada. Já ouvi pessoas dizer: “é a culpa delas que não tem consciência... Engravidam tão cedo e acaba a sua juventude...” Mas, visitando a realidade dessas meninas, descobri quanto elas não receberam o que é importante na vida: o verdadeiro Amor. Elas são vulneráveis. Mas no decorrer da gravidez, participando do Projeto, confeccionando o enxoval, refletindo sobre assuntos em relação à vida, rezando com o bebê, eu as vi mudar profundamente. E quando os sorrisos iluminam o rosto de uma mãe com o filho mamando. Isso revela um coração alegre e na Paz. Para mim, não tem maior felicidade!
No CRR, com a Pastoral carcerária, encontrei homens e mulheres, que por falta de educação e amor, caíram no vicio da droga ou mataram. Foram capazes do pior porque não receberam o Indispensável para viver. Agora, eles estão num lugar fechado, sem liberdade. Mas recebendo Cristo dentro do presidio, eu vi sorrisos revelando a liberdade interior. Agradeço a Graciele e aos outros presos que entrei, por me ter oferecido esse present

                                                                   131029_misso

 Clothilde Gailledrat, é natural da França e veio fazer uma experiência missionária através da Fidesco com duração de dois anos no Brasil, sendo que seu primeiro ano foi na cidade de Alvorada, onde esteve atuando em nossa comunidade, Paróquia Nossa Senhora da Saúde, após, seu chamado foi maior e sua missão foi ir ao encontro do Sul do Pará.

Quando falamos do Sul do Pará, algumas pessoas mal informadas por uma mídia perversa, pode até dizer: “Lá, é ruim. Não tem nada de bom...” 

“De Nazaré pode sair coisa boa?” João 1, 46
Mas depois de um ano de missão lá, eu quero partilhar com vocês o que descobri. 
Como Jesus cresceu em Nazaré, se nós deixamos Ele crescer em nossas comunidades, em nossas famílias, casas... Se nós deixamos Ele viver em nossas realidades, em nosso coração, pode sair alguma coisa revelando a Grandeza do Pai. Com certeza! 
Na escola diocesana de Redenção, encontrei alunos que, por falta de cuidado e de amor em casa, estão com dificuldades para acompanhar as aulas. Para sobreviver nessa realidade e aguentar os problemas, eles constroem para si cascas enormes. Mas aí, encontrei professores comprometidos que fazem o possível para acompanha-los. Faz um ano que estou trabalhando com eles e já percebi as mudanças. Deixando aos poucos essas cascas de defesa, vemos a beleza do coração deles. Assim, eles têm a disponibilidade mental para aprender na sala de aula... Isso me dá Esperança. 

131029_misso1

No Projeto Sonho de Mãe, descobri a gravidez precoce, consequência de uma sexualidade desordenada. Já ouvi pessoas dizer: “é a culpa delas que não tem consciência... Engravidam tão cedo e acaba a sua juventude...” Mas, visitando a realidade dessas meninas, descobri quanto elas não receberam o que é importante na vida: o verdadeiro Amor. Elas são vulneráveis. Mas no decorrer da gravidez, participando do Projeto, confeccionando o enxoval, refletindo sobre assuntos em relação à vida, rezando com o bebê, eu as vi mudar profundamente. E quando os sorrisos iluminam o rosto de uma mãe com o filho mamando. Isso revela um coração alegre e na Paz. Para mim, não tem maior felicidade! 

131029_misso2

No CRR, com a Pastoral carcerária, encontrei homens e mulheres, que por falta de educação e amor, caíram no vicio da droga ou mataram. Foram capazes do pior porque não receberam o Indispensável para viver. Agora, eles estão num lugar fechado, sem liberdade. Mas recebendo Cristo dentro do presidio, eu vi sorrisos revelando a liberdade interior. Agradeço a Graciele e aos outros presos que encontrei, por me ter oferecido esse presente. 
                                              131029_misso3
“É urgente levar Cristo a todos e principalmente aos que mais precisam. ” Bento XVI
Descobrindo feridas abertas e dolorosas de um povo, descobri as minhas próprias feridas. Deus me mostrou onde precisava deixa-lo agir na minha vida: minhas trevas. Quando aceitei que Ele me tocasse, Ele purificou minhas feridas e me curou. E posso testemunhar quanto Deus me libertou de medos, de feridas que não tinha consciência... com sua Misericórdia infinita.
Agradeço a todo o povo Brasileiro devoto de Nossa Senhora no dia a dia. Foi para mim uma redescoberta de Maria e agora, no seu exemplo, me coloco todos os dias sob a proteção de Nossa Mãe. Vocês não puderam me dar maior presente! 
Mas sobre tudo, dou graças a Deus me ter chamada a ser missionaria aqui. Ele, o Todo-Poderoso, pode tudo... Sem Ele, não posso nada. Ele me escolheu para ser sua servidora. A missão é o que me dá a oportunidade de me aproximar dos mais fracos, de me tornar mais humana e me aproximar cada vez mais de Deus... No Sul do Pará, encontrei Deus. Ele que é Amor. É um amor exigente que nos pedi o melhor de nós mesmos. É um amor que me curou. É um amor que abriu meu coração. É um amor que me libertou. É um amor que fez maravilhas no meu coração. 
As vezes, as situações são tão extremas que me senti bem pequeninha. As vezes, fiquei com medo de encontrar o “ outro diferente”. Pude servir a missão só pegando as forças em Deus na oração e vivendo dos Sacramentos. Não quero mais ter medo do “diferente” porque ele traz novidade e salvação!
Agora é a hora voltar para França com o coração cheio de lembranças, dos sorrisos, das amizades... É com o coração cheio do Amor que recebi aqui que volto para minha terra, comprometendo-me a transmitir o que vocês me ensinaram. A missão é de Cristo, não é minha. Continuarei a ser missionaria onde o Espirito me mandar... 
Nesse tempo de mudanças e readaptações, me confio às vossas orações. Elas são preciosas. E podem ter certeza que continuo a rezar por vocês. 
Essa experiência missionaria ficará sempre gravada em mim... Não posso esquecer!
Fiquemos unidos em Cristo, sob a proteção materna de Maria. 
Do fundo do coração, 
                                                   Clothilde Gailledrat
 Missionária Francesa
    


Benfeitor

Supermercado Teka

Benfeitor